SPDM - Fisioterapia

Alongue-se, que faz bem!

Alongue-se, que faz bem!

Hoje, vamos conversar sobre um assunto que diz respeito à saúde da população e à forma como nós, fisioterapeutas, podemos ajudar a melhorar o dia a dia de todos. Você já ouviu falar sobre alongamentos, certo? Pois é, a princípio as pessoas os veem como algo chato, monótono e sem resultados, mas são muito úteis para diminuir as dores do dia a dia de trabalho. Exigem, porém, certa disciplina e devem ser feitos da maneira correta.

Temos de 635 a 650 músculos em nosso corpo. Eles são ligados aos ossos por meio dos tendões e iniciam seu trajeto até um segundo ponto, em que o outro tendão irá se ligar a outro ponto ósseo de referência. Quando esse músculo se contrai, ele aproxima essas duas extremidades que se ligam às estruturas ósseas, possibilitando o movimento ou apenas a tensão do músculo.

Quando você está no meio de um dia estressante de trabalho administrativo, atendendo telefone e correndo com a papelada, já parou para perceber onde seus ombros estão? Nas alturas, não é mesmo? Nesse momento, a musculatura dos seus ombros está bastante tensionada, endurecida e provavelmente dolorida.

O alongamento é a manobra muscular que pode ser realizada para diminuir essa tensão ou amolecer esse ponto endurecido. Se você fizer alongamentos pelo menos uma vez a cada período de trabalho, com certeza suas dores ao final do dia irão diminuir.

Vamos lembrar alguns alongamentos básicos para que você realize sozinho durante o trabalho: cabeça inclinando para frente (queixo em direção ao colo), cabeça inclinando para trás (olhe para o ponto mais longe do teto que for possível), cabeça inclinando para os lados (orelha em direção ao ombro), cabeça girando para os lados (simule o movimento de "não" com a cabeça, mas segure em cada um dos lados).

E aí? Fez? Sentiu como em alguns desses movimentos você encontrou um pouco de dificuldade ou dor? Pois é, você está tenso, e isso pode virar uma dor bastante incapacitante com o passar das horas. Importante: não se esqueça de manter cada uma dessas posições por 30 segundos!

Nessa nossa conversa nos concentramos mais no ombro e nas dores que sentimos nessa região. Esses alongamentos são simples, porém efetivos. Comece a fazê-los e perceba que com o tempo você se sentirá menos dolorido no final do dia de trabalho. Em uma próxima oportunidade podemos conversar sobre mais tipos de alongamentos. Muito obrigada pela atenção e alongue-se!

 

along 2

along 3 along 4 along 5

 

 

 

Karina300x225

Karina Costa Dias – Fisioterapeuta no Centro de Reabilitação Lucy Montoro

Unidade São José dos Campos – Rede Lucy Montoro

 4083
   
   

logo IBROSS
  Filiada ao Instituto Brasileiro das
  Organizações Sociais de Saúde (IBROSS)

Contato | Newsletter

Rua Dr. Diogo de Faria, 1036 | Vila Clementino
Cep: 04037-003 | Telefone: (11) 5549-7032