Dica Cultural

Rio, uma maravilhosa aventura ecológica – durante o carnaval!

Rio, uma maravilhosa aventura ecológica – durante o carnaval!

Tudo transcorria muito bem na vida de Blu e Linda: amigos inseparáveis cresceram e fazem tudo juntos, mantendo uma feliz rotina de camaradagem. Pacatos moradores da gelada cidade de Minnesota, nos Estados Unidos, criaram um forte laço afetivo.

Só que Blu é um pássaro. Não uma ave qualquer, mas uma ararinha-azul originária da ensolarada cidade litorânea do Rio de Janeiro, no Brasil. Apesar de todo o amor e carinho que há entre eles, Blu está fora de seu habitat: ele não sabe voar, brinca com carrinho de controle remoto e até escova os dentes.

Tudo vai às mil maravilhas, até a chegada de Túlio em suas vidas: o ornitólogo – um estudioso das aves – chega com a notícia de que Blu é o último macho da espécie, que está em extinção, e para que possa haver alguma chance de sobrevivência, ele precisa acasalar com a única fêmea viva, que está no Rio de Janeiro.

Assim, Linda e Blu partem para a cidade maravilhosa, onde conhecem a geniosa Jade, um espírito livre enfurecido por estar engaiolada. Para Blu, conquistá-la será um desafio tão grande como o de aprender a ser pássaro e tudo isso tendo como pano de fundo o carnaval.

A animação americana encanta pela riqueza dos detalhes, pelas cores e pela paisagem. Escrito e dirigido pelo brasileiro Carlos Saldanha, o filme trata de assuntos importantes, como tráfico de animais, ecologia e preservação da natureza, e nem os errinhos de geografia (ararinha-azul vive exclusivamente nas matas na beira dos rios do sertão baiano, não no Rio de Janeiro) e de biologia (os “pés” de Blu não correspondem ao da ave em questão, mais parecendo com pés de galinha) tiram seu mérito.

A trilha sonora, com canções que vão da bossa nova ao rhythm and blues moderno, foi assinada por nomes como Sérgio Mendes, Carlinhos Brown, Taio Cruz, Will.I.Am e Bebel Gilberto é um espetáculo por si só.

Não foi à-toa que a música tema, Real in Rio, concorreu, em 2012, ao Oscar na categoria de Melhor Música Original: começa com delicados assovios de passarinhos, vão sendo introduzidos os sons de um agogô, uma cuíca, o surdo para, enfim, explodir com o "la-laiá, la-laiá"  de uma escola de samba.

Uma curiosidade: o galã brasileiro Rodrigo Santoro dublou o especialista atrapalhado, Túlio, tanto na versão em inglês quanto na em português.

Rio (Rio, EUA, 2011), dirigido por Carlos Saldanha, com dublagem em inglês de Rodrigo Santoro, Anne Hathaway, Jesse Eisenberg, Will.I.Am, Jamie Foxx, e em português de Rodrigo Santoro, Gustavo Pereira, Adriana Torres, Luiz Carlos Persy, Mauro Ramos, Alexandre Moreno

 5402
(1 Votar)
   
   

logo IBROSS
  Filiada ao Instituto Brasileiro das
  Organizações Sociais de Saúde (IBROSS)

Contato | Newsletter

Rua Dr. Diogo de Faria, 1036 | Vila Clementino
Cep: 04037-003 | Telefone: (11) 5549-7032