Notícias

Alckmin entrega novo Centro Oncológico do Luzia de Pinho Melo

Foto: Alexandre Carvalho/A2img Foto: Alexandre Carvalho/A2img

Referência em Oncologia para toda a região do Alto Tietê, hospital estadual inaugura setor de radioterapia e passa a ofertar atendimento integral ao paciente com câncer

O governador Geraldo Alckmin inaugurou nesta quarta-feira, 10 de maio, o novo Centro Oncológico do Hospital das Clínicas Luzia de Pinho Melo, unidade da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo gerenciada em parceria com a Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina (SPDM).

Inauguracao Mogi01 10052017
Foto: Alexandre Carvalho/A2img

Com a inauguração do setor radioterapia do Centro Oncológico, pacientes com câncer poderão contar com atendimento integral no Luzia, hospital que compõe a Rede Hebe Camargo de Combate ao Câncer e é referência para toda a região do Alto Tietê. No total, o Governo do Estado investiu R$ 27,2 milhões para a implantação do novo setor, entre recursos destinados às obras de construção do prédio e à aquisição do acelerador linear, equipamento utilizado na radioterapia.

Com esse serviço, o Centro Oncológico da unidade passa a integrar todas as etapas de atendimento, permitindo o acompanhamento do paciente a partir do diagnóstico até a última fase do tratamento. “Agora, será possível reunir todos os serviços oncológicos que ofertamos em um único local. Os atendimentos de quimioterapia, radioterapia e onco-odontologia, além do acompanhamento ambulatorial, estão concentrados numa unidade de ponta, exclusivamente voltada para essa finalidade. Com isso, garantimos maior conforto para os pacientes, que não precisarão se deslocar a outros serviços para serem atendidos”, explica o diretor clínico do hospital, Luiz Carlos Viana Barbosa.

O funcionamento do setor se dará de forma gradativa, com 300 sessões por mês, na fase inicial. A expectativa é duplicar o número de atendimentos até o final do ano, quando a produção pode chegar a 600 sessões por mês.

O Hospital das Clínicas Luzia de Pinho Melo, habilitado como Unidade de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon), recebe, em média, 90 pacientes com casos novos de câncer por mês. Em 2016, realizou cerca de 10.442 atendimentos oncológicos, incluindo consultas, quimioterapia e hormoniterapia. No ano passado, o número de atendimentos cresceu 17,3%, com comparação ao balanço de atendimento de 2015.

Rede Hebe Camargo

A Rede Hebe Camargo de Combate ao Câncer é composta por 76 unidades de referência na área oncológica, incluindo o Hospital Luzia de Pinho Melo. Foi criada pelo Governo do Estado de São Paulo, em 2013, com a finalidade de garantir atendimento de qualidade e fortalecer as unidades que já ofereciam tratamento contra o câncer.

No total, já foram investidos mais de R$ 110 milhões em diversas unidades, tanto para melhorias estruturais quanto para aquisições de equipamentos. Além de serviços modernos e altamente qualificados, conta com uma central de regulação de vagas para encaminhamento de pacientes com diagnóstico de câncer, cujo objetivo é viabilizar o tratamento ao paciente com a maior proximidade e celeridade possível.

Atualmente, a rede tem capacidade para realizar aproximadamente 3,3 milhões de atendimento por ano, incluindo cirurgias, quimioterapia e radioterapia.

 3376
(4 votos)