Notícias

Hospitais geridos pela SPDM em Santa Catarina estão entre os mais eficientes do estado

Hospitais geridos pela SPDM em Santa Catarina estão entre os mais eficientes do estado

Estudo mostrou que unidades geridas por Organizações Sociais de Saúde aproveitam melhor os recursos financeiros

Um estudo técnico inédito, realizado pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) de Santa Catarina, mostrou o desempenho de 18 hospitais públicos estaduais e revelou que as unidades administradas por Organizações Sociais de Saúde (OSS) são mais eficientes do que aquelas de administração direta.

O levantamento esteve a cargo dos economistas Antônio Felipe Rodrigues e Silvio Bhering Sallum, com a participação da administradora Monique Portela e comando do diretor-geral do TCE, Carlos Tramontin. O grupo trabalhou durante cinco meses e contou com a colaboração dos diretores e técnico dos hospitais. Das 18 unidades pesquisadas, cinco são de responsabilidade das OSS.

A análise comparativa das despesas anuais e média ponderada da produção hospitalar demonstrou enorme superioridade dos dados das OSS, em relação aos hospitais públicos de gestão própria do órgão público. Do seis mais eficientes, cinco são geridos por OSS, dos quais dois estão sob gestão do Programa de Atenção Integral à Saúde (PAIS) da Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina (SPDM): Hospital Florianópolis e Hospital Regional de Araranguá.

Produção hospitalar nas Organizações é muito maior

Um dos dados de maior interesse da população no estudo do TCE se refere à produção hospitalar. Os pesquisadores se valeram de cinco itens: exames realizados, atendimento ambulatorial, registros na emergência, internações e cirurgias. Nesta avaliação, as OSS tiveram o dobro da produção dos hospitais estatais.

Confira o índice de eficiência dos hospitais de 2012 a 2017, levantado pelo TCE/SC:

Cepon - 1,000
Terezinha Gaio Basso - 1,000
Regional de São José - 0,958
Infantil de Joinville - 0,942
Florianópolis - 0,938
Regional de Araranguá - 0,879
Dr. Waldomiro Coulatti - 0,824
Infantil Joana de Gusmão - 0,700
Gov. Celso Ramos - 0,667
Darcy Vargas - 0,614
Mat. Tereza Ramos - 0,520
Mat. Carmela Dutra - 0,479
Regional de Joinville - 0,462
Instituto de Psiquiatria - 0,429
Mat. Catarina Kuss - 0,260
Nereu Ramos - 0,247
Instituto de Cardiologia - 0,232
Santa Tereza - 0,197

Fonte: http://www.ibross.org.br/?p=6937 

 

 2429
(0 votos)
   
   

logo IBROSS
  Filiada ao Instituto Brasileiro das
  Organizações Sociais de Saúde (IBROSS)

Contato | Newsletter

Rua Dr. Diogo de Faria, 1036 | Vila Clementino
Cep: 04037-003 | Telefone: (11) 5549-7032