Notícias sobre saúde

Hospital São Paulo monta centro de contingência de dengue para priorizar atendimentos

Hospital São Paulo monta centro de contingência de dengue para priorizar atendimentos

Com o aumento da procura de pacientes com suspeita de dengue, o Hospital São Paulo (HSP) disponibilizará por 60 dias, a partir desta sexta-feira, dia 8 de maio, um centro de contingência para o atendimento de casos de dengue, com capacidade para receber diariamente 150 a 200 pacientes com a doença, na Vila Clementino, zona sul de São Paulo.

A iniciativa é uma parceria entre a Secretaria Municipal da Saúde, a Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina (SPDM), a Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) e o Hospital São Paulo. O espaço cedido pela UNIFESP possui quatro consultórios, 20 leitos para hidratação, 120 poltronas de espera e recepção. A equipe, contratada pela SPDM, é composta por 30 funcionários.

No local serão atendidos somente os pacientes direcionados pelas unidades de Assistência Médica Ambulatorial (AMA), Unidades Básicas de Saúde (UBS) e pelo Hospital São Paulo, munidos do cartão de acompanhamento do paciente com suspeita de dengue. Quem já possui o cartão, pode se dirigir diretamente ao serviço.

O paciente será avaliado pela equipe de enfermagem, classificado pelo grau de risco por meio do exame de sangue e passará por consulta com o clínico geral. Casos que requerem cuidados especiais serão encaminhados ao HSP.

 “Nosso objetivo é melhorar o atendimento ao público com esta iniciativa que, além de aumentar a capacidade de atendimento, irá aprimorar o fluxo de pacientes em nossa unidade”, explica José Roberto Ferraro, diretor do Hospital São Paulo. O centro de contingência funcionará de segunda a sábado, das 7h às 19h.

 

 2942
(2 votos)
   
   

logo IBROSS
  Filiada ao Instituto Brasileiro das
  Organizações Sociais de Saúde (IBROSS)

Contato | Newsletter

Rua Dr. Diogo de Faria, 1036 | Vila Clementino
Cep: 04037-003 | Telefone: (11) 5549-7032