Notícias sobre saúde

Sabe como a soja pode ajudar a sua saúde?

Sabe como a soja pode ajudar a sua saúde?

Parente do feijão, da lentilha e da ervilha, a soja é também chamada de feijão-soja e feijão-chinês.

Originária da China e do Japão, a soja é utilizada em grande escala, na alimentação, há pelo menos cinco mil anos.

“A soja é uma leguminosa, um alimento nutritivo muito rico em proteína vegetal, vitaminas, minerais e fibras, mas não deve ser usada para substituir carne, leite e ovos”, alerta Vanessa Marins Maniezo, Gerente de Nutrição das Unidades Afiliadas da SPDM. “É que a proteína animal é muito importante, pois dispõe dos 22 aminoácidos necessários diários, essenciais à manutenção do corpo humano”, completa a nutricionista.

A boa notícia é que a soja é um excelente alimento para ser acrescentado na dieta do dia-a-dia. Suas propriedades são aproveitadas na redução do colesterol LDL (o ruim), as isoflavonas ajudam a atenuar os efeitos da menopausa; tem ação no crescimento das crianças, formação e manutenção dos órgãos, além de acelerar a cicatrização e é recomendado para combater a osteoporose.

“Estudos indicam que, nos países asiáticos, que são os grandes consumidores do grão, a incidência de câncer nos ovários, de doenças cardiovasculares e de aterosclerose é menor do que no Ocidente”, explica Vanessa.

A soja é polivalente. Pode ser consumida na forma de óleos, leite, suco, pós, proteínas e outras variedades. As 25 gramas da proteína da soja, quantidade diária recomendada, equivalem a:

- 60 g de grãos de soja cozidos.
- 250 g de tofu (uma espécie de queijo de soja).
- 800 ml de leite de soja.
- 50g de carne de soja.

“Apesar de todos os seus benefícios, a soja ainda é encarada pelo brasileiro com certa reserva. O motivo é que o nosso paladar não se deixou conquistar pelo gosto da soja. Para melhorar o sabor, deve-se fazer um tratamento térmico, colocando o grão de molho por algumas horas em água quente, depois, é só cozinhar em panela de pressão, para que os componentes oxidantes da soja sejam inativados, melhorando o sabor”, ensina a nutricionista.

Sabe como a soja pode ajudar a sua saúde?

- A substância chamada isoflavona é um fito hormônio, com ação semelhante à do estrógeno, o hormônio feminino, o que ajuda a regular alterações hormonais, comuns na menopausa, atenuando os sintomas desagradáveis. As mulheres em período fértil também podem aproveitar essa característica, pois esse nutriente ajuda ainda a aliviar os sintomas da tensão pré-menstrual e combate doenças como câncer de mama.

- O cálcio da soja protege a saúde dos ossos. O grão fornece cerca de 28% das necessidade diárias do nutriente e, além disso, a isoflavona ainda ajuda a evitar a massa óssea, tornando-a uma aliada incrível contra a osteoporose. É importante ressaltar que a soja não garante que a osteoporose não ocorrerá, pois, além da perda da massa óssea, essa doença está bastante ligado a questões genéticas.

- As gorduras poli-insaturadas, principalmente o ômega 6, presentes na soja, ajudam a regular o colesterol, reduzindo o ruim (LDL) e aumentando o bom (HDL), ajudando ainda a prevenir problemas cardiovasculares.

- As fibras, presentes em grande quantidade no grão, ajudam no bom funcionamento do intestino.

 4355
(2 votos)
   
   

logo IBROSS
  Filiada ao Instituto Brasileiro das
  Organizações Sociais de Saúde (IBROSS)

Contato | Newsletter

Rua Dr. Diogo de Faria, 1036 | Vila Clementino
Cep: 04037-003 | Telefone: (11) 5549-7032