Notícias sobre saúde

A "estelar" quinoa

A "estelar" quinoa

Ela já fez parte da dieta dos Incas e foi considerada sagrada. É conhecida como quinoa real, ou grão de ouro, e hoje faz parte até da dieta dos astronautas em vôos espaciais de longa duração. Foi qualificada como o melhor alimento de origem vegetal para consumo humano, pela Academia de Ciências dos Estados Unidos.

Com cerca de 300 calorias a cada 100 gramas, a quinoa reina como uma das mais importantes fontes de proteína, comparável ao leite, e ainda tem todos os aminoácidos essenciais, portanto é algo para se ter no prato.

“Natural dos Andes, a quinoa é um pseudo-cereal, pois tem os mesmos nutrientes que cereais como arroz e trigo, mas características de plantio e crescimento diferentes”, explica Vanessa Marins Maniezo, gerente de Nutrição das Unidades Afiliadas da SPDM.

A Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação elegeu 2013 como o Ano Internacional da Quinoa e não foi à toa: é fonte de cálcio, ferro, ácidos graxos, ômegas 3 e 6. Também é rica em fibras e vitaminas do complexo B.

A quinoa é encontrada na forma de grãos, farinha, flocos e pode fazer parte de qualquer receita, como bolos, iogurtes, saladas e risotos.

É ou não é uma "estrela alimentar"? Confira abaixo mais 8 motivos para ela ser incluída na dieta, segundo a nutricionista Vanessa Maniezo.

1 – Como é rica em fibras, dá sensação de saciedade e ajuda a emagrecer.
2 - Ajuda no fortalecimento muscular, pois é uma enorme fonte de proteínas.
2 – Por suas quantidades significativas de ômega 3 e 6, a quinoa é aliada na prevenção de doenças cardiovasculares e redução do colesterol.
3 – Fortalece os ossos, prevenindo osteoporose, pois tem cerca de 66g de cálcio a cada 100g do grão.
4 - Previne a hipertensão.
5 – Devido a sua enorme quantidade de zinco, auxilia no fortalecimento do sistema imunológico e na cicatrização.
6 - Ajuda no bom funcionamento do sistema nervoso e na síntese de hormônios, pois tem vitaminas do complexo B em grandes quantidades.
7 – A quantidade de ferro presente permite que a quinoa substitua o feijão.
8 – Fitoestrogênios (substâncias naturais que "imitam" a ação do estrogênio no organismo) presentes na quinoa ajudam a amenizar os sintomas da TPM e da menopausa.

 3525
(4 votos)
   
   

logo IBROSS
  Filiada ao Instituto Brasileiro das
  Organizações Sociais de Saúde (IBROSS)

Contato | Newsletter

Rua Dr. Diogo de Faria, 1036 | Vila Clementino
Cep: 04037-003 | Telefone: (11) 5549-7032