Notícias sobre saúde

Chá verde: tradição e saúde

Chá verde: tradição e saúde

A mitologia chinesa conta que, no ano de 2737 a.C, o imperador Shen Nung tomava, todas as tardes, água fervida, pois acreditava que isso lhe traria longevidade e saúde. Até um dia em que, enquanto se ocupava com a fervura, o vento trouxe algumas folhas ao pote com a água. Desta forma, o líquido o agradou tanto que recebeu o nome de “bebida dos céus”.

Essas folhas que fizeram ali o chá do imperador, há mais de quatro mil anos, vêm da Camillia sinensis, a mesma planta que origina o chá preto e o branco. O que diferencia é o processo ao qual as folhas são submetidas. No caso do chá verde, são expostas ao vapor e depois secas, o que garante propriedades e nutrientes únicos.

Após 50 anos da sua chegada no Brasil, seu gosto amargo finalmente está conquistando o paladar brasileiro, mas talvez porque suas propriedades estejam sendo amplamente estudadas e divulgadas. A mais querida de suas propriedades terapêuticas é, de longe, sua preciosa função no emagrecimento.

“A cafeína e as catequinas presentes no chá aceleram o metabolismo, fazendo com que o organismo gaste mais energia, facilitando a digestão, auxiliando o funcionamento do intestino e combatendo a retenção de líquidos”, explica Vanessa Marins Maniezo, Gerente de Nutrição das Instituições Afiliadas da SPDM.

Além disso, a bebida ajuda a combater a retenção de líquidos no organismo. Estudos apontam que o chá verde protege o cérebro de doenças como o Alzheimer e previne câncer.

“A cafeína, também presente no chá, pode prejudicar a absorção de ferro e vitamina C pelo organismo, por isso, ele deve ser consumido ao menos uma hora após as refeições”, alerta a nutricionista, que completa: “além da catequina, que é um antioxidante que combate o envelhecimento precoce das células, e da cafeína, que atua na parte cognitiva e na função cardíaca, o chá ainda tem flavonóide, que ajuda no sistema vascular, e vitaminas C, K e do complexo B”.

Por tudo isso, podemos apontar, entre os benefícios do chá verde:

Fonte poderosa de antioxidante

O chá verde contém altas concentrações de antioxidantes que combatem os radicais livres, responsáveis pelo envelhecimento.

Queima calorias

O chá verde dá mais energia do que a cafeína pura. A bebida faz crescer as taxas metabólicas e acelera a oxidação das gorduras. Segundo pesquisadores, a interação entre a cafeína e outros componentes do extrato de chá verde aumenta as taxas de queima de gordura.

É amigo do coração

“Médicos da Universidade Harvard concluíram que pessoas que bebem uma ou mais xícaras de chá verde diariamente têm menos riscos de sofrer um ataque cardíaco. Beber chá em vez de café é um dos fatores responsáveis pelo menor índice de infarto em países orientais”, conta Vanessa.

Previne câncer

Os efeitos dos compostos do chá verde no processo de oxidação das células têm como resultado a redução de doenças degenerativas, como o câncer. Além disso, componentes químicos podem ter a capacidade de prevenir alterações do DNA das células.

 3692
(3 votos)
   
   

logo IBROSS
  Filiada ao Instituto Brasileiro das
  Organizações Sociais de Saúde (IBROSS)

Contato | Newsletter

Rua Dr. Diogo de Faria, 1036 | Vila Clementino
Cep: 04037-003 | Telefone: (11) 5549-7032